Educação na Zona Rural é tema de reunião especial na Câmara

Serviço mais humanizado e maior rendimento no aprendizado foram os principais assuntos discutidos hoje entre integrantes da Comissão de Educação da Câmara de Vereadores e representantes da Secretaria Municipal de Educação de Montes Claros.

A ideia de discutir a organização da prestação de serviço do transporte na zona rural para o ano de 2020 foi uma iniciativa da Secretária de Educação, Rejane Veloso e aconteceu nesta quinta-feira (26), na Câmara de Montes Claros. Além da secretária e do Presidente da Comissão de Educação da Casa, Vereador Daniel Dias (PCdoB), participaram da reunião especial, o Diretor Administrativo de Educação Valdoir Lázaro, o Coordenador do transporte da Zona Rural José Roberto e os parlamentares integrantes da Comissão de Educação,  Maria Helena (PPL) e Edmílson Magalhães (PSDB).

A reunião originou após questionamentos da comissão de educação da Câmara, no conselho municipal de que as mudanças e avanços, deveriam também serem discutidas com a Comissão de Educação do legislativo. “Aqui é a casa do povo e a caixa de ressonância da demanda da população. Parabenizamos a secretária por ter atendido esse pedido, marcando essa importante reunião”, explica o presidente da comissão Daniel Dias (PCdoB).

Daniel Dias destacou que foram tradadas ações que poderão impactar no ano de 2020. Dentre elas, uma possível unificação de turnos em algumas escolas do meio rural e sobre a redução de custos e linhas de transportes.

Para a suplente da comissão, a vereadora Maria Helena (PPL), a reunião não foi de maneira impositiva, resultando assim em uma maior parceria entre a Secretaria de Educação do município e a Câmara Municipal, onde os dois poderes analisaram todos os pontos para melhorar na prestação de serviços.

De acordo com a vereadora, a unificação dos turnos da zona rural, que foi um dos assuntos mais importantes está sendo cuidadosamente analisada. Foram apresentadas situações que após essa medida ser adotada poderá amenizar problemas como, a diminuição nas turmas multisseriadas facilitando o aprendizado dos alunos e a redução do tempo gastos dos transportes que  transitam, muitas vezes, em estradas de difícil acesso e em péssimo estado de conservação.

''Escutamos o lado dos profissionais da educação e transportes e escutaremos o lado das comunidades, se houver um consenso será tranquilo. Caso contrário, vamos apresentar pontos que possam melhorar as possíveis mudanças que forem decididas’'', ressaltou Maria Helena.

A Secretaria de Educação, fez questão de frisar que o município com o apoio da câmara busca desenvolver  um serviço mais humanizado para o avanço do aprendizado dos alunos da zona rural.

A finalização dos CEMEIs do pro infância que aguardam o repasse do governo federal, a relação dos auxiliares de docência e sobre o pagamento dos vales de transportes também foi discutido na reunião. O assunto deverá voltar a ser pauta  de  outras reuniões e encontros  do município e Câmara.

 

Publicado em 26 de Setembro de 2019